Curtir Twittar Publicado em |

“A religião pura e imaculada para com Deus e Pai, é esta: Visitar os órfãos e as viúvas nas suas tribulações, e guardar-se da corrupção do mundo.” (Tiago 1:27)

Proclamar o Evangelho de JESUS CRISTO como alvo principal, buscando favorecer os pobres, tristes e angustiados de alma, de acordo com suas necessidades, objetivando dar continuidade à Obra que o MESTRE JESUS começou, a exemplo das passagens bíblicas em Isaías 61:1-4 e Lucas 4:18-19,  bem como nos voluntariar no propósito de promover socorro social, espiritual e emocional às pessoas enlutadas, enfermas, aprisionadas e desorientadas, entre outras, conforme o SENHOR nos recomenda na Parábola do Bom Samaritano em Lucas 10:33.

A Tarefa também inclui a divulgação de importantes informações e orientações das diversas áreas Capelâmicas. Assim, oferecemos Cursos e Seminários que possibilitem aos vocacionados atuarem com propriedade, integridade e compromisso as funções inerentes à Capelania, de forma que o esforço missionário urbano contribua com o crescimento, desenvolvimento e empoderamento da Pessoa e da Igreja de JESUS CRISTO.

Os Cursos que oferecemos estão à disposição dos Operários do Reino nas modalidades Presencial e EAD (Ensino a Distância), da mesma forma os Seminários e Palestras, cuja capacitação leva o Capelão a atuar em Missões Urbanas e atenda ao Chamado do SENHOR na participação na GRANDE COMISSÃO.

Acreditamos que a experiência em Campo agrega significativo valor na disseminação desta Obra Missionária, assim como depõe em favor do crescimento do Reino de DEUS.

Por isto atuamos como Capelães onde o MESTRE JESUS nos enviar, levando as Águas da Fonte da Vida, esclarecendo as Escrituras e consolando os que padecem, considerando a Mensagem que encontramos em 2 Coríntios 1:3-6 (NVI), como segue:

“Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, Pai das misericórdias e Deus de toda consolação, que nos consola em todas as nossas tribulações, para que, com a consolação que recebemos de Deus, possamos consolar os que estão passando por tribulações. Pois, assim como os sofrimentos de Cristo transbordam sobre nós, também por meio de Cristo transborda a nossa consolação. Se somos atribulados, é para consolação e salvação de vocês; se somos consolados, é para consolação de vocês, a qual lhes dá paciência para suportarem os mesmos sofrimentos que nós estamos padecendo.”